O PAPEL DA GESTÃO INTEGRADA NO COMBATE AOS CRIMES TRANSFRONTEIRIÇOS

Autores

  • Ricardo Barreto Salgueiro

DOI:

https://doi.org/10.59731/vol1iss3pp182-194

Palavras-chave:

Crimes transfronteiriços, gestão integrada, fronteira, PRF

Resumo

Este trabalho buscou identificar o grau de importância da integração no combate aos crimes transfronteiriços, também levantar o atual cenário da integração entre as forças nacionais e estrangeiras no combate ao crime na região de fronteira. Foi realizado um levantamento bibliográfico para avaliar a integração sob a ótica acadêmica, bem como buscas e entrevistas não estruturadas com profissionais da área para avaliar o nível de integração entre as forças. A experiência do autor em quase 10 anos atuando na região de fronteira em atividades operacionais e gestão de policiamento também contribuiu para a execução do trabalho. Os levantamentos identificaram que a integração existe nos níveis operacionais e táticos, não alcançado o mesmo nível de integração em patamares estratégicos e isso ocorre por falta de uma cultura de integração e uma gestão que por vezes ignora as diferenças entre as instituições. A grande dificuldade é vencer orgulhos e grilhões existentes, reservas de mercado e de competências que se mantém há décadas e parecem nortear todo o planejamento institucional, ignorando a necessidade de vencer os novos desafios impostos pela modernização e organização do crime.

Downloads

Publicado

2023-06-16

Como Citar

SALGUEIRO, R. B. O PAPEL DA GESTÃO INTEGRADA NO COMBATE AOS CRIMES TRANSFRONTEIRIÇOS. Revista (RE)DEFINIÇÕES DAS FRONTEIRAS, [S. l.], v. 1, n. 3, p. 182–194, 2023. DOI: 10.59731/vol1iss3pp182-194. Disponível em: https://journal.idesf.org.br/index.php/redfront/article/view/60. Acesso em: 16 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos